Portal da Saude

Portal da Saúde
Misericórdia do Porto assina declaração conjunta no combate ao VIH
⌚ 30.05.2017
Projeto "Cidades na via rápida para acabar com a epidemia VIH"

António Tavares, Provedor da Misericórdia do Porto, assinou a 29 de maio uma declaração conjunta no âmbito do projeto "Cidades na via rápida para acabar com a epidemia VIH".

A Misericórdia do Porto associa-se, assim, ao combate ao VIH, assumindo assim um papel ativo na procura de soluções para esta problemática atual e eminente.

De destacar que o número de novos casos de VIH nas áreas metropolitanas de Lisboa e do Porto representa cerca de dois terços do número de novas infeções em Portugal.

A assinatura da declaração conjunta teve lugar no auditório do INFARMED - Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, durante a cerimónia de apresentação do relatório "VIH em Números - 2016" e do "Plano Estratégico do Programa Nacional para a Infeção VIH, SIDA e Tuberculose - 2017".

Além da Misericórdia do Porto, outras entidades de referência nacional fizeram questão de se associar a esta causa, de que são exemplo a Câmara Municipal do Porto e a Câmara Municipal de Lisboa.

A cerimónia contou ainda com as intervenções do Diretor-Geral da Saúde, Francisco George, da Diretora do Programa Prioritário para a área da Infeção VIH, SIDA e Tuberculose da Direção-Geral da Saúde, Isabel Aldir, do representante da International Association of Physicians in AIDS Care, Bertrand Audin, assim como de um elemento da ONUSIDA - Programa Conjunto das Nações Unidas para o VIH/Sida, Luiz Loures,.

O Ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, encerrou a sessão.

A utilização de cookies neste website tem como principal objetivo melhorar a sua experiência.
Ao clicar em qualquer link nesta página está a dar-nos a permissão para usar cookies.