Portal da Saúde
Hospital da Prelada investe 5 milhões de euros na modernização
⌚ 05.12.2017

Há 29 anos que o Hospital da Prelada presta cuidados de saúde de excelência. Em dia de aniversário, assinalado a 27 de novembro, projetou-se o futuro.

O Provedor da Misericórdia do Porto, António Tavares, anunciou o investimento de 5 milhões de euros na modernização desta unidade de referência.

As obras serão feitas de forma faseada e, até 2022, o Hospital da Prelada será um hospital do século XXI.

O plano de modernização será suportado com capitais próprios da Misericórdia do Porto e, de acordo com António Tavares, dará resposta às atuais exigências da área da saúde.

O Provedor anunciou que o plano diretor do hospital irá traduzir a forma "como hoje olhamos para a saúde". Os quartos serão modernizados, o ambulatório e o internamento terão circuitos independentes e irá ser feito um reforço da área cirúrgica através da criação de salas de bloco para a cirurgia de ambulatório.

António Tavares reforçou, ainda, que serão concluídos os 7º e 8º pisos, nos quais será instalada "uma unidade de ensaios clínicos, a BlueClinical".

As obras vão arrancar já no próximo ano e o Provedor gostaria que no final de 2018, por ocasião das comemorações dos 30 anos do Hospital da Prelada, grande parte desta modernização já estivesse concluída.

Antecipando já o próximo aniversário, no mesmo dia foi apresentada a logomarca dos 30 anos do Hospital da Prelada. São "três décadas a cuidar de si", espelhadas no novo filme institucional desta unidade de saúde.

Durante a sessão comemorativa, que reuniu a comunidade hospitalar no auditório desta unidade de saúde, também se reconheceu o passado. O Vice-Provedor, António Canto Moniz, destacou a capacidade de superação, pelo Hospital da Prelada e pela Misericórdia do Porto, em ultrapassar os problemas enfrentados desde a abertura, em 1988.

O reconhecimento foi extensível a todos os colaboradores, com especial destaque para Rúben Almeida. Em nome da Mesa Administrativa da Misericórdia do Porto, o Provedor e o Vice-Provedor distinguiram o atual Diretor Clínico do Centro de Reabilitação do Norte.

Rúben Almeida irá, em breve, aposentar-se, no entanto integra a memória da Instituição desde a abertura do Hospital da Prelada. Durante 23 anos desempenhou funções de Médico Fisiatra, tendo sido nomeado diretor de serviço de Medicina Física e de Reabilitação do Hospital da Prelada em 2011. Já em finais de 2013 aceitou o desafio de se tornar o primeiro Diretor Clínico do Centro de Reabilitação do Norte.

As comemorações do 29º aniversário do Hospital da Prelada, que tinham arrancado com uma missa na capela desta unidade de saúde, terminaram com um almoço de confraternização que reuniu, uma vez mais, a comunidade hospitalar.

A utilização de cookies neste website tem como principal objetivo melhorar a sua experiência.
Ao clicar em qualquer link nesta página está a dar-nos a permissão para usar cookies.